quarta-feira, 18 de novembro de 2015

VAYETSE - E PARTIU



VAYETSE - E PARTIU

Gênesis 28: 10 a 32: 2
Oséias 11:7 a 14:9
Atos 9: 1 a 26

Partiu Jacó de Beersheva e se foi em direção a Haran; (Gen 28:10)

O Pai Abraão sai do Oriente e vem para o Ocidente; deixa um lugar de idolatria até encontrar-se com O Eterno num lugar onde ao oriente esta Aí, e ao ocidente Betel. Ali O Nosso Pai Abraão, levantou um Altar e Invocou O Nome do Eterno. Ele que viera da Mesopotâmia (região ao Oriente) deixando lá a perversidade que surge na Torre de Babel, se depara com O Lugar, O Monte Moriah, onde no futuro um seu descendente erguerá uma Casa ao Eterno, e onde Yeshua um dia ainda haverá de Reinar.
Neste mesmo lugar por volta de um século depois, Iacov (Jacó), neto de Abraão passa no mesmo lugar em fuga. Sozinho. Dorme ali, no mesmo lugar, indo no mesmo caminho da Pai Abraão, mas, no sentido contrário...
No passado Abraão invocou O Eterno, agora, o neto de Abraão é procurado pelo Criador do Universo. Uma visão inesquecível! Anjos subindo de descendo de uma escada que vinha dos Céus até tocar a Terra.
O Eterno apresenta-se para Iacov, como O Deus de seus pais, e promete que será com ele em suas jornadas, e lhe faz promessas como fizera a Abraão e a Isaque... Isaque faz então um voto com Deus...

Se me abençoares e me trouxeres a este lugar em Paz e segurança e próspero, então, disse Jacó ao Eterno: - "Eu te darei o dízimos de tudo quanto tu me houveres dado e no lugar desta Pedra será a Casa de Deus." -

Não, Iacov não inventou os dízimos não! O pai Abraão, neste mesmo lugar no passado já entregara seus dízimos à Melech Tzedek (Melquisedeque). O que Iacov estava fazendo era uma negociata com Deus, assim como comprara a primogenitura de seu irmão; assim como enganara seu pai; assim como estava indo buscar a sorte na terra dos antepassados de seus pais, Iacov, não tinha ideia, que a próxima vez que voltasse a este lugar, ele seria um novo homem. Alguém que descobriria "com quantos paus se faz uma Arca de Noé"... E então Deus topou na hora! Porque se há algo que Deus sabe é transformar "Suplantadores, enganadores, embusteiros, espertalhões - Jacós..." em ISRAEL. Príncipe de Deus.

O Pai Abraão deixou tudo e veio para a Terra Prometida;
Isaque jamais saiu da Terra da Promessa, nem para casar-se...
Jacó, é alguém que trascende... Ele nasce na Terra, volta para Haran, para depois regressar à Terra da Promessa, porque Deus decide ir com ele para trazê-lo no futuro de volta... Esta história de IACOV, é a história do povo Judeu, nestes milênios. São amados por causa dos Patriarcas; São alvo do Amor e das Promessas maravilhosas de Deus; mas, possuem o hábito de fazerem coisas para obter o que Deus lhes designou por Amor e pela Graça. Eles muitas vezes foram para a Dispersão como Iacov, para num futuro, transformados, serem trazidos de volta... Abençoados, prósperos, mas, com profundas marcas, pelo tempo em que estiveram longe do Eterno, da Sua Palavra e da Sua Promessa.

O Eterno continua transformando IACOV em ISRAEL.

IACOV, foi jovem e voltou velho...
Mas, sempre haverá O Remanescente Fiel, que embora ferido e marcado, jamais será desamparado por Aquele que Vive e Reina para Sempre. Aquele que fez a Promessa. Aquele que é conhecido como O DEUS DE JACÓ!

Como disse DAVID HAMELECH, "Quem subirá ao Monte do Eterno, e quem há de permanecer no seu Santo Lugar? O que é limpo de mãos e puro de coração. (Quem poderá se salvar então? nos perguntamos), Tal é a Geração daqueles que O Buscam, daqueles que buscam a Face do Deus de Jacó." Salmo 24.

Sempre haverá aqueles que precisam de Deus, que desviaram-se de seus propósitos, mas, que são tão amados, que quando buscarem O encontrarão, quando invocarem Ele lhes responderá; na casa de seus opressores, Ele os prosperará, e os trará de volta, porque não foram eles que O Escolheram, mas, pelo contrário, foram escolhidos, para que vão, dêem frutos, um Fruto que permaneça! Aleluia!!!!

Iacov vem conhecer seu amado tio Labão (Lavan - branco, puro), de de puro e bonzinho não tinha nada. Este homem torna-se o instrumento de Deus, para forjar o caráter de Jacó e começar o processo de transformação... Porque tudo o que Jacó, fez com os seus, pagou muitas vezes mais nas mãos de Labão, o seu futuro sogro...

O engano começou no casamento, quando apaixonado por Rachel, recebe Lia, por esposa.
Enganado no trabalho; em seus salários; quando mais Jacó manifestava a bênção de Deus e seu sogro prosperava com isso, mais Jacó era enganado por Labão e via-se oprimido...

Seguindo o mau exemplo de seu avô Abraão que tomou mais de uma mulher (todas vezes que isso ocorre na Bíblia, acaba em desgraça! todas!!!! DEUS FEZ O HOMEM E UMA MULHER PARA ESTE HOMEM, a não ser em caso de morte - Fora disso, além de pecado, tome desgraça!!!!)

Depois de trabalhar 7 anos por Rachel e casar-se com Lia; Jacó trabalhou mais 7 anos novamente por sua amada, casa com ela e ainda trabalha outros sete anos para seu sogrão...

Vendo que Jacó amava mais a Rachel e que Lia era desprezada, O Eterno torna Lia fecunda! É curioso, que Lia, que oficialmente foi a primeira esposa de Jacó, é a Matriarca que está junto de Sarah e Rebeca (e talvez Eva), na caverna de Macpelah e não Rachel.

Assim, enquanto havia esterilidade em Rachel, Lia, ia enchendo Jacó de filhos...

De Lia: RUBEN; SHIMEON, LEVI, IEHUDA.

Arrasada com a vergonha da esterilidade, Rachel propõe como Sarah propôs a Abraão, que Jacó, tomasse sua serva Bilah, para gerar nela um filho... E Jacó disse: TÁ BEM!

de Bilah vieram: DAN E NAFTALI

Com raiva da estratégia da irmã, Lia, faz a mesma coisa e Jacó disse: TÁ BEM!

de Zilpa, serva de Lia, vieram então: GAD E ASHER

No meio desta confusão, Lia consegue novamente a atenção de Jacó e nascem mais 3 filhos....

De Lia: ISSACAR, ZEVULON E DINAH (A única mulher)

e então chegou a vez de Rachel, que foi livre da esterilidade e então gerou:

De Rachel: IOSSEF (José).

São estes os filhos de Jacó, que nascem na Dispersão e morrerão na Dispersão.

Quando Jacó percebe que grande família se tornara, procurando justiça com o sogro que o havia enganado tantas vezes, sugere que determinados animais do rebanho de Labão, fossem separados, como saláro de Jacó. É como se fosse a pior parte do rebanho. Jacó queria ver-se livre e usa então uma estratégia que torna-se um marco de profunda que fala tão profundamente da intimidade de Deus para com o seu povo...

Jacó toma Varas verdes (Galhos tenros), de três tipos de árvores. O servo de Labão, descasca, expõe a brancura das varas e as coloca no local onde as ovelhas iam matar a sede. Ali naquele lugar, diante da visão das varas descascadas, as ovelhas procriavam e todas as que nasciam tinham as características exigidas para que pudessem pertencer a Jacó. Isso não foi um engano. FOI UM MILAGRE!

Há muitos anos atrás, nos primeiros meses do ano de 2000, quando Deus começou a agir, gerando o que seria a BETLEHEM, O Eterno me deu uma visão:

"Eu recebi um cajado em minhas mãos, e a pessoa que me dava o cajado, separava-se de mim. Olhando para o meu lado direito, passai a ver: ovelhas.
Estas ovelhas vinham numa quantidade impossível de se contar, e passavam debaixo deste cajado que eu recebera. Eu então ouvi a frase: SÃO OVELHAS MATRIZES e lembro-me que recordei este texto, em que Jacó, descascava as árvores e punha as varas aonde as ovelha matariam sua sede"

Quando então fui apresentado às pessoas, com as quais nasceu a Betlehem, passei a ministrar durante semanas, sobre O DEUS DE ABRAÃO, DE ISAQUE E DE JACÓ... Meu coração queima hoje da mesma maneira que naqueles dias pelo Deus da minha vida e da minha Salvação.

No domingo em que fui ministrar sobre esta Palavra, assunto da Parashá VAIETSE, O Eterno me disse qual o nome que daríamos à Igreja: BETLEHEM - CASA DO PÃO PARA TODOS OS POVOS...

Deus me disse, que sempre teríamos do abundância do Pão da Vida, e de coisas naturais para suprir quem nos procurasse, e então, pude naqueles dias entender, que haveria dias em que eu tomaria as varas descascadas e colocaria diante de ovelhas, que sendentas, gerariam ali diante de nós.
Deus me falava de Ovelhas Matrizes, pessoas que darão muito fruto; pessoas com capacidade de produzir muito e portanto precisariam de água fresca, excelente alimento e mais do que tudo... DAS VARAS DESCASCADAS... No meu modo de entender: PALAVRA REVELADA!

Deus me mostrava que haveria dias em que eu poria as varas e ali nasceriam pessoas que caminhariam conosco, por causa do propósito que O Eterno tinha com nossas vidas, propósito que apenas começava a ser desenhado...

Aleluia... 15 anos depois, temos vivido O EXTRAORDINÁRIO, O JAMAIS VISTO, SONHADO, IMAGINADO, PEDIDO, ESPERADO... E isso ainda é só o começo temos certeza!

Por isso, os nossos lábios se enchem de Júbilo e a nossa boca de Riso, pois grandes e tremendas coisas tem feito O Eterno conosco, esta é a NOSSA ALEGRIA INDIZÍVEL!!!!!

Rico, cheio de filhos, Jacó foge de seu sogro Labão, mas, não imagina que sua esposa Rachel, furtaria os ídolos de seu pai, levando-os consigo. Quando Labão alcança Jacó, este amaldiçoa a pessoa que fez tal coisa, não tendo ideia que era justamente a mulher que tanto amava....

A história de Jacó, realmente foi muito difícil, este homem passa por cosias que a maioria de nós não suportaria, mas, o momento mais dificil de sua vida ainda estava por vir, quando ele se encontraria consigo mesmo..... quando se encontraria com o seu passado.... quando se encontraria com as consequências do que fez... quando se encontraria com os frutos do que semeou....

Antes disso, Jacó depara-se com O Exército dos anjos do Eterno, que vieram recepcioná-lo para conduzí-lo à vida que Sempre Deus lhe desejou dar... Para isso, IACOV teria que ser transformado num novo homem, não apenas no exterior, como as marcas do tempo e do sofrimento lhe conferiam novo semblante, mas, internamente, onde só O Eterno pode ver...

Um dos descendentes mais famosos de Jacó, SHAUL (Saulo), sai na mesma direção que IACOV, fora em seus dias, nas expectativa que faria o que sempre fez, da maneira que sempre fez, pois era senhor de seu destino, achando que daquele jeito agradava a Deus, e que melhor do que todos, cumpria os designios do Eterno...
SHAUL, tem um encontro com YESHUA, e sua vida é TRANSFORMADA...
SHAUL, voltaria ao lugar de onde partiu...

Do mesmo lugar de onde IACOV partiu...

Mas, os homens que PARTIRAM, não foram os mesmos homens que voltaram...

POIS O ETERNO OS TRANSFORMOU EM NOVOS HOMENS...


DELE POR ELE E PARA ELE SÃO TODAS AS COISAS... A Ele, pois, A Glória Eternamente! Amém.


KI MITZION TETZSEH TORAH
U´DEVAR ADONAI MIYERUSHALAIM!
(Porque de Sião sairá a Lei e a Palavra do Eterno de Jerusalém!)


Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem

Nenhum comentário:

Postar um comentário