quinta-feira, 13 de novembro de 2014

FLECHAS DA ALJAVA


Nada como um dia depois do outro...
Nestes dias meu coração encheu-se de uma alegria tão grande, na verdade de tantas emoções juntas...
Em mais uma viagem a Israel, deixei meu filhinhos Boaz e Tikva, dizendo: Papai volta logo!
Vou me encontrar na semana de seu aniversário com a Bruna, minha filha do coração, dias antes de sua vinda ao Brasil, com o meu netinho Ariel.
Na véspera da viagem, fui pregar na igreja de um casal de pastores, Vagner e Midori Yogi, que tive a honra de conhecer, no momento de sua conversão, e de ainda batizá-los, olha que coisa: Foram eles que me apresentaram a Bruna, naqueles dias em que eu mesmo iniciava meu ministério.
Vê-los firmes na Palavra, manejando bem a Bíblia Sagrada, realizando um trabalho maduro, cheio da Vida de Deus, e de Sabedoria, encheu demais meu coração de alegria e expectativas...
E agora enquanto escrevo este artigo, sentado atrás de mim, num vôo para Israel, com escala na Alemanha, estão sentados, o Profeta Fábio, e o Profeta Roger, filhos e amigos mais chegados que um irmão... 

Lembrei-me nestes dias de ter orado pelo Vagner e pela Midori, quando eles foram batizados no Espírito Santo, e vê-los ainda hoje, fluindo na Presença de Deus, é maravilhoso, mas, lembro-me como se tivesse ocorrido a poucos momentos, do Roger, jovenzinho, num acampamento em que fui ministrar da igreja que ele congregava. Ele me disse: Pastor, ore por mim, porque eu quero ser batizado no Espírito Santo, e conversei com ele, sobre como foi a minha experiência com Deus através do Espírito Santo e logo em seguida oramos e ele foi cheio do Espírito de Deus.... Poucos momentos depois disto, ele olhou apressadamente por meus ombros e chamou minha atenção, para uma loirinha que passava atrás de nós, e me disse: Sabe pastor, aquela moça ali chama-se Fernanda, e estou apaixonado por ela, e tenho orado para que possamos começar a namorar....

Pois fui padrinho deste casamento e poucos meses atrás, pude apresentar o Leonardo Tzfat, filho, deste casal, além da Amandinha, que é amiga hoje de minha filha Tikva.... Quanta coisa, quanta emoção junta, percebem?

Quanto estivermos regressando de Israel, na passagem pela Alemanha, o Profeta Roger ficará na cidade de Munique, pois tendo recebido muitas palavras de Deus acerca desta nação, entendeu que era hora de tomar atitudes e profetizar nesta nação, as palavras que tem recebido de Deus. Tudo absolutamente tudo foi sobrenatural, desde que percebemos que esta era a hora de tirá-lo da minha Aljava e lançá-lo na Alemanha.... Pois é isso que vou fazer: Fincá-lo, na Terra que daqui há poucos anos comemorará 10 jubileus (500 anos), da Reforma Protestante; Estamos passando por aqui, nos dias da Celebração dos 25 anos da queda do Muro de Berlim, e de uma nova configuração de Mundo, que parecia ser impossível, quando eu era criança.... Quanta coisa, quanta emoção junta...

"Ouvi-me, ilhas, e escutai vós, povos de longe: O Senhor chamou-me desde o ventre, desde as entranhas de minha mãe fez menção do meu nome e fez a minha boca qual espada aguda; na sombra da sua mão me escondeu; fez-me qual uma flecha polida, e me encobriu na sua aljava;" (Isa 49:1-2)

Nesta Palavra de Isaísas, uma clara alusão a Cristo, tomamos o entendimento também para nossas vidas de que nascemos com um propósito específico da parte de Deus, e à pleno pulmões podemos por fé dizer: "Ei vocês aí, povos de longe: EU ESTOU CHEGANDO!!!!" Porque? Porque desde o meu nascimento Deus falou a meu respeito, Ele me chamou! Ele me deu um Nome e um PROPÓSITO de Vida...

"Ele tem feito da minha boca uma espada afiada". Estas figuras são tão importantes, e  nos dão uma compreensão tão profunda das coisas de Deus, pois a Espada do Espírito é a PALAVRA DE DEUS, e para que possa estar afiado, e isso vem através da lima de meus pais e muitos mestres que me desafiaram a conhecer, entender e viver a Palavra, para que pudesse proclamá-la, assim como um hábil espadachim, maneja o sabre.

Também somos chamados de "Flechas Polidas", e o Profeta Isaías diz que fomos escondidos na Aljava. Creio que não há nada mais difícil, do que ficar escondido na Aljava, alguém que se sente afiado e polido... Tanto trabalho, esforço, resignação, para depois ser escondido? Parece não ter lógica isso!

Mas, outro texto bíblico nos trás mais luz sobre estas verdades:

"Eis que os filhos são herança da parte do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão. Como flechas na mão dum homem valente, assim os filhos da mocidade. Bem-aventurado o homem que enche deles a sua aljava; não serão confundidos, quando falarem com os seus inimigos à porta." (Slm 127:3-5)

O Salmista agora afirma que flechas são FILHOS e quem tem Aljava são os PAIS, e os pais que encherem suas aljavas, nunca terão problemas contra os seus inimigos...

Nos parece lógico, que ter flechas, não intimida ninguém, mas, dispará-las, sem dúvidas, pode afugentar e subjugar adversários.

A Bíblia conta sobre os momentos finais da vida do profeta Eliseu, figura bíblica que apontava para O Ministério de Cristo, e que quando jovem, foi discípulo de Elias, de quem recebeu a Porção de Primogenitura, conhecia como a Porção Dobrada, quando reconheceu em Elias, um pai que foi levantado por Deus para lhe deixar herança. Eliseu pouco tempo antes de morrer, foi visitado pelo Rei de Israel, que usou as palavras, que mais pareceram uma Chave para o coração daquele ancião, que doente esperava pelo fim:

"Estando Eliseu doente da enfermidade de que morreu, Jeoás, rei de Israel, desceu a ele e, chorando sobre ele exclamou: Meu pai, meu pai! carro de Israel, e seus cavaleiros! E Eliseu lhe disse: Toma um arco e flechas. E ele tomou um arco e flechas. Então Eliseu disse ao rei de Israel: Põe a mão sobre o arco. E ele o fez. Eliseu pôs as suas mãos sobre as do rei, e disse: Abre a janela para o oriente. E ele a abriu. Então disse Eliseu: Atira. E ele atirou. Prosseguiu Eliseu: A flecha do livramento do Senhor é a flecha do livramento contra os sírios; porque ferirás os sírios em Afeque até os consumir. Disse mais: Toma as flechas. E ele as tomou. Então disse ao rei de Israel: Fere a terra. E ele a feriu três vezes, e cessou. Ao que o homem de Deus se indignou muito contra ele, e disse: Cinco ou seis vezes a deverias ter ferido; então feririas os sírios até os consumir; porém agora só três vezes ferirás os sirios." (2Rs 13:14-19)

Eliiseu que certamente frustrou-se muito com o fato de seu discípulo Geazi, ter ficado leproso por causa do seu pecado, parecia não ter para quem deixar o que recebera de seu pai, Elias, mas, as mesmas palavras que disse ao Profeta que foi elevado aos Céus num redemoinho, trouxeram de volta esperança ao coração daquele ancião...

Eliseu que descobriu que a porção dobrada só é liberada através da fidelidade: SER FIEL ATÉ O FIM, vai fazer a prova do Rei de Israel, para saber se o mesmo era digno, de receber dele herança tão grande...

Abra a janela do Oriente - Era desta região que a última vergonha havia se abatido sobre Israel, que mais uma vez tinha sido humilhado pela Síria. Pois, ao som da Voz de Eliseu, a Vergonha seria confrontada por uma Flecha sacada da Aljava.

As mãos trêmulas, por certo enrugadas, do velhinho Eliseu, ainda eram portadoras, da Autoridade e Bênçãos legadas dos pais aos filhos, e este põe suas mãos sobre as mãos fortes e firmes do Rei, que entesava o arco... Ao disparar disse: "Flecha do Livramento do Senhor, Flecha do Livramento do Senhor contra os Sírios..."

Tome mais flechas... No ímpeto de conhecer A Palavra e O Espírito da Palavra e perceber que momento profético era este o ancião se motivou e ordenou que o Rei de Israel, ferisse o chão agora com outras flechas de sua Aljava, e Jeoás, talvez sem entender o ato profético, e percebendo que aquela situação estava demorando mais do que ele esperava, atirou apenas três flechas de sua Aljava... Ah se ele soubesse, se ele entendesse, que: "O PAI, QUE ENCHE SUA ALJAVA DE FLECHAS, JAMAIS VAI TER PROBLEMAS COM SEUS ADVERSÁRIOS...", Mas, o Rei parou de atirá-las, e a fúria de Eliseu manifestou-se como sua derradeira declaração: "Se cinco ou seis vezes tivesse ferido a terra, você teria acabado com os sírios para sempre, como o fez apenas duas ou três vezes, você terá vitórias, mas, depois derrotas...

Um Pai, não se torna um vitorioso pelo fato de ter muitos filhos. Isso pode ser inclusive um sinal de arrogância e de orgulho. O que pode dar vitória a um pai é preparar as flechas, para que possam todas serem disparadas...

A flecha não pode ser torta. Se não for reta, desviará no seu percurso, e o desvio é uma das palavras para pecado: "Alguém que não completa ou que não alcança os seus objetivos."

A flecha precisa ser polida, pra que possa perfurar o alvo e se fixar nele. Não deve existir nada mais vergonhoso, do que alguém alcançar um alvo, mas, não permanecer nele. Pois todo o trabalho, em nossas vidas serve para que no dia do nosso envio, possamos ir direto ao alvo e nos fixar nele, estabelecendo O Reino do Rei que nos enviou.

Muitos ministros trabalham para que seus filhos naturais dêem continuidade aos seus ministérios, e tais fazem muito bem, porém, se apenas duas ou três flechas forem disparadas, haverá vitórias por certo, mas, depois derrotas....

Há líderes que cuidando de suas congregações, se esquecem de suas famílias, e as vitórias que Deus tem pra nós, serão alcançadas e firmadas para sempre se disparamos todas as flechas....

Os filhos são HERANÇA DO SENHOR, são flechas dadas a um PAI, aquele que de Deus recebe a honra de ter uma ALJAVA... mas, a honra de um pai e sua glória, não será ter filhos, mas, trabalhar para que todos sejam disparados....

Aleluia! 

Quero passar o resto da minha vida cuidando para que minha esposa Karla, minha primeira ovelha, minha filha primogênita, seja lançada e cumpra o papel que Deus espera dela... Quanto tempo eu perdi de minha vida, não reconhecendo esta verdade!

Juntamente com ela, Deus nos deu filhos, naturais, adotivos, ministeriais, e no Nome de Jesus, quero trabalhar para assim como disparamos a Bruna Emunah (Fé) Gurwitz, para Eretz Yisrael; assim como Pastores Julio e Priscilla estão em Patrocínio; Baia e Darlene estão em Taboão da Serra; Dario e Cristina, em Cuba, Chile, Espanha e em tantos outros lugares e nações; Apóstolo Gerson e profetiza Vera, fixaram-se em Itu; Apóstolo Sandro e Profetiza Rita em Uberlândia.... Tantos outros... que O Profeta Roger, a Pastora Fernanda, a Amanda e o Leonardo Tzfat, possam discernir tudo a respeito do chamado de sua casa para a Alemanha; quero no tempo certo poder lançá-los todos no centro da Vontade de Deus....

Um dia será a vez da TIKVA, outro do Boaz.... e eu.... 

estou indo para Jerusalém... Já, há muito tempo.... já tem sido muito mais do que eu podia pedir ou pensar... Não espero grandes coisas, coisas maravilhosas demais para mim, como uma criança desmamada no colo da mãe, assim é a minha alma para comigo, confio no Senhor e sou feliz....

Se Deus só tivesse me dado a chance de ver o Profeta Roger, aquele que eu vi sendo batizado no Espírito Santo; aquele que me mostrou a sua loirinha; aquele que me convidou para ser seu padrinho; aquele que consolou minha alma no dia da traição; aquele que me deu a honra de consagrar seu filho e marcar sua filha com o nome Hadassa, aquele que me chama de pai, respeitosamente e silenciosamente, simplesmente porque o Amor de Deus, é uma bandeira que nos cobre.... DAYENU, para mim, já teria sido o bastante...

Trabalhem por seus filhos, trabalhem para que em suas congregações, todos sejam disparados... Muitas pessoas, vão nos ajudar a cumprir o que O Pai, espera de nós, mas, se você não se ocupar de ajudar as pessoas a alcançarem os seus destinos proféticos, você ficará sozinho, e teus inimigos prevalecerão contra você....

Viva a Palavra de Deus, e viva como os que sonham...

Um pai, absolutamente feliz,

Paulo de Tarso, Apóstolo 
Igreja Apostólica Betlehem

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

"EU VI A MÃO DE DEUS ENVIAR AQUELE MÍSSIL PARA O MAR!"



Quem pôs a sua fé no Todo Poderoso Deus já se habituou a vê-l'O agir no sobrenatural. Basta ler os grandes milagres realizados pelo (SHOMER ISRAEL) - GUARDA DE ISRAEL nas páginas do Antigo Testamento para perceber que quando se trata do povo de Deus, qualquer guerra que os inimigos lancem contra a nação eleita na terra contará sempre com sobrenaturais intervenções divinas.
Um dos acontecimentos mais divulgados recentemente pela imprensa israelita relacionados com a recente operação em Gaza tem a ver com uma clara e inequívoca intervenção divina no desvio de um míssil disparado pelos terroristas que, se não fosse a "Mão de Deus" a intervir, teria causado uma verdadeira tragédia humana numa das maiores cidades de Israel.

A CÚPULA DE FERRO FALHOU, MAS DEUS NÃO...
O sistema de defesa anti-míssil "Cúpula de Ferro" (Iron Dome) tornou-se nesta guerra o verdadeiro e mítico herói para o povo israelita, tendo conseguido detectar e destruir a quase totalidade dos mísseis inimigos disparados contra centros populacionais em Israel, incluindo as grandes metrópoles de Tel Aviv, Haifa, Berseba e até Jerusalém. Mas, apesar das elevadas taxas de sucesso, o sistema não é perfeito e teve algumas falhas. 
Segundo o testemunho de um dos militares operacionais do sistema "Cúpula de Ferro" na região de Tel Aviv, houve uma situação dramática em que o sistema de defesa falhou por 3 vezes seguidas no abatimento de um míssil dirigido a Tel Aviv. 
Eis o relato publicado em toda a Mídia do responsável pela operação do sistema "Cúpula de Ferro":

"Dispararam um míssil de Gaza. A "Cúpula de Ferro" calculou com precisão a sua trajetória. Nós conseguimos saber onde é que esses mísseis vão aterrar dentro de um raio de 200 metros. Este iria atingir Tel Aviv, visando as Torres Azrieli, a Kirya (equivalente ao Pentágono israelita), ou uma Estação de comboios central da cidade. (Lugar que eu mesmo diversas vezes já passei com minha família viajando por Israel, chegando ou saindo de Tel-Aviv). Poderiam ter morrido centenas de pessoas.

Disparámos o primeiro míssil interceptador. Falhou. Disparámos o segundo. Falhou. Isso é muito raro. Entrei em pânico. Nessa altura restavam-nos apenas 4 segundos até o míssil tocar o seu alvo. Tínhamos já alertado os serviços de emergência para convergirem para o local visado, e tínhamos avisado da possibilidade de uma vasta tragédia.

Subitamente, o sistema "Cúpula de Ferro" (que entre outras coisas também calcula a velocidade dos ventos), registou um verto forte que surgia do oriente, um vento tão forte que desviou o míssil inimigo na direção do mar. Ficámos todos embasbacados. Pus-me de pé e gritei a plenos pulmões: "Deus existe!"

E o emocionado militar prosseguiu a narrativa: "Testemunhei esse milagre com os meus próprios olhos. Não me contaram nem me foi transmitido: eu vi a mão de Deus enviar aquele míssil para o mar!"

Também na semana passada o coronel Ofer Winter, comandante da brigada de infantaria Givati, descreveu um misterioso nevoeiro que o encobriu favoravelmente a ele e as suas tropas quando avançavam para uma posição inimiga no raiar do dia, após terem adiado a prevista intervenção noturna.

O coronel Winter descreveu esta cobertura misteriosa e providencial como "nuvens de glória."

Foi este coronel que no início da intervenção israelita em Gaza provocou um grande debate a nível nacional, quando encorajou as suas tropas a avançarem contra um inimigo que "blasfema, difama e provoca o Deus de Israel". O coronel terminou a sua intervenção escrita, fazendo a seguinte oração: 

'Que o Senhor teu Deus te acompanhe, lutando contigo contra os teus inimigos e te salvando."

Deus certamente interveio (mais uma vez) a favor do Seu povo!


(Fonte Shalom Israel)

Paulo de Tarso, apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Rasgar as vestes - KERIAH



No dia 15 de Julho deste ano de 2014, era também o dia 17 do 4º mês bíblico, chamado de Tamuz pela maioria dos judeus de hoje em dia. Nesta data no passado, o exército romano rompeu as muralhas de Jerusalém, para depois destruir o 2º Templo. Também nesta data Moisés, vendo a adoração ao Bezerro de ouro, destruiu as Tábuas da Lei, que recebera do Eterno, e por isso, desde este dia até o dia 9 do 5º mês - Três semanas, ninguém se casa em Israel, não se faz festas, não se ouve música, os homens não se barbeiam ou cortam os cabelos, é um tempo de jejum e de quebrantamento... é um tempo de luto!

Ontem pude participar do Sepultamento de uma pessoa querida, de uma família de judeus muito querida para mim, e pude me deparar com o Luto desta família, no meio do luto do povo de Israel.

Um Rabino que acabara de vir de Israel, falava de sua última experiência no Kotel, onde milhares de pessoas estavam não pelas pedras. Eles não oram para as Pedras que restaram do Muro do Templo. Eles oram para a Presença de Deus que está ali. O Espírito de Deus que se faz presente, e oram com tristeza, pelo Templo, pelo Lugar de adoração que foi destruído, há quase dois milênios.

Esta comparação ele fez, com o fato de nos depararmos ali com os restos mortais de uma pessoa amada e querida, mostrando que o respeito pelo corpo da pessoa falecida, não é nada comparada com a certeza que a pessoa em si é um espírito que é eterno.

Neste momento meu coração encheu-se de alegria e ao mesmo tempo de gratidão a Deus, pois, numa das crises de saúde que esta pessoa sofreu nos últimos anos, pude ir até o hospital onde se encontrava, e pude cantar em hebraico algumas canções, como que embalando uma criança que sofria por dores e por um quadro de saúde que melhorou muito para retornar agora, o levando à morte. Lembro-me daquele dia que falei pra ele de um Judeu, que havia mudado a minha vida e que era um Justo, e que entregou-se à Morte, para que a Vida nos fosse dada, e fiz um convite para que esta pessoa entregasse sua vida nas mãos deste Salvador. Ele o fez, e orou comigo...

Recentemente, na última vez que o vi, ele que entrava na crise derradeira que agora o vitimou, mais uma vez orou comigo, e confiou neste Salvador chamado de Yeshua.

Ontem quando os filhos, irmãos e esposa, rasgaram suas vestes, fizeram a KERIAH, ato que invoca a tristeza de Jacó, quando ouviu que seu filho José fora morto, tradição milenar para todos os enlutados judeus, não há como não rasgar o coração um pouco por esta cena tão forte e marcante, e por esta gratidão tão grande e indizível ao nosso Deus, pois está escrito: "Tragada foi a morte pela Vitória!"

A mesma alegria que Jacó sentiu, quando muito tempo depois percebe que seu José estava vivo, é o desejo que sinto, num futuro reencontro destes familiares com seu amado, pois Aquele Judeu Salvador, chamado Yeshua, resgatou seu familiar da morte para a Vida.

Na hora em que vão realizar a KERIAH dizem: " BARUCH ATÁ ADONAI ELOHEINU MELECH HAOLAM DAIÁN HAEMET" - Bendito és Tu Eterno Nosso Deus, Rei do Universo, Juiz da Verdade" - Pois este a quem invocaram este Justo Juiz é Aquele que enviou Yeshua, para que todos O que nele creiam não pereçam, mas, tenham Vida Eterna. 

A primeira pessoa desta família que conheci, experimentou uma grande e avassaladora mudança de vida, quando num momento terrível de crise existencial, foi confrontada por este Amor e foi desafiada a entregar-se a este mesmo Salvador chamado Yeshua, pois na época uma pessoa influente, cheia de orgulho e vaidade ouviu que com tudo aquilo que tinha e que sabia, iria para o inferno se não fosse pela misericórdia de Deus...

Pois aos berros, não pensou em si mesma, mas, pensou nos filhos e que o tal do inferno não poderia ser o destino dos seus amados e disse: "Os meus filhos não vão para o inferno", e meio que por medo, muito por amor, decidiu entregar-se a este mesmo Salvador, que começava a alcançar um por um dos seus amados, e completará a Boa Obra, como resposta a este clamor tão sincero.

Na hora do sepultamento, depois de cobrirem o corpo em seu caixão simples, os filhos recitam o Kadish (Santificação), muitos chamam isso de Oração pelos Mortos, coisa que é uma total inverdade. É o mesmo engano de alguém que acha que os judeus oram para as pedras no Kotel. O Kadish é um hino de adoração ao Nosso Deus, Aquele que julgou a Morte, para que novamente tenhamos acesso à Vida Eterna, a Ele sejam O Louvor, a Honra e a Glória.

Hoje muitos judeus, são judeus de nascimento, mas, estão absolutamente longe de tudo o que se relaciona com O Criador, e por isso, num momento de deparar-se com a Morte, é tão importante realizar uma auto-análise, de como vai sua vida com Deus, porque se não tomamos um posicionamento nesta vida para com Ele, como esperar que o fim possa ser proveitoso depois da morte? 

É por esta razão que é melhor ir numa casa onde há luto, do que numa casa aonde há festa. Pois numa casa enlutada, aprendemos muito mais sobre a Vida, para que possamos fazer algo, enquanto ainda há esperança.

Os filhos que estavam juntos recitando O Kadish, eram justamente aqueles que anos atrás, foram alvos de um grito desesperado de uma mãe que disse: "os meus filhos não vão para o inferno"

Conhecendo esta história, pude neste momento interceder por cada um deles e por suas famílias, pedindo: Deus toca-os de uma forma especial, e assim, como tive a honra de poder falar do Teu Amor, para este que hoje está na Tua Presença Santa, que eu, ou alguém possa ser um instrumento também do Teu Amor e Bondade, para que estas pessoas tão queridas, possam experimentar também a Tua Vida Eterna...

Eis o Kadish traduzido... As palavras todas são de adoração, mas, quando cantado, a sonoridade e a reverência, completam este hino de Honra, Louvor e Adoração ao Único que é Deus nesta expressão pública de fé. 

«Que seja Exaltado e Santificado Seu grande nome (congregação: Amém), no mundo que Ele criou segundo Sua vontade. Que Ele estabeleça Seu Reino, faça vir Sua redenção e aproxime a vinda de Seu Mashiach (Amém) em vossa vida e em vossos dias e na vida de toda a Casa de Israel, pronta e brevemente, e dizei amém. (Amém) 
Que Seu Grande Nome seja Bendito eternamente e por todo o sempre; que seja Bendito. 
Que Seu Grande Nome seja bendito eternamente e por todo o sempre. 
Que seja Bendito, louvado, glorificado, exaltado, engrandecido, honrado, elevado e excelentemente adorado o Nome do Santo, Bendito seja Ele (Amém), acima de todas as bênçãos, hinos, louvores e consolos que possam ser proferidos no mundo, e dizei amém ( Amém). 
Que haja Paz abundante emanada dos Céus, e bênção de vida sobre nós e sobre todo [o povo de] Israel; e dizei amém (Amém). 
Aquele que estabelece Paz em Suas Alturas, possa Ele estabelecer Paz para nós e para todo Israel; e dizei amém (Amém)». 

Um corredor se abre de um lado homens e de outro mulheres para declararem sobre os enlutados palavras de ânimo e de conforto.

Declaramos estas Palavras sobre esta família, sobre os judeus que nos dias de hoje sofrem ataques de seus inimigos na Terra de Israel, e sobre incontáveis homens e mulheres amados pelo nosso Deus que continuam seguindo com suas vidas e suas lutas, desconsiderando o fato de que as lutas desta vida são passageiras, e as poucas décadas que vivemos neste mundo (aqueles que possuem a honra inclusive de viver tanto), não são nada comparáveis com a Eternidade. É preciso ante ao Luto, rasgar o coração e não apenas as vestes e pensar: 

Deus o que será de mim depois da morte?

Se há dúvidas em teu coração, o luto não deveria ser por quem morreu, principalmente se esta pessoa abriu seu coração para O Amor de Deus, como este querido que se foi encontrar-se com O Seu Salvador... O Luto deveria ser por tua própria vida, pois, o que fará você, quando fores te encontrar com O Teu Criador?

"Hamacom yenachem etchem betoch shear 
avelê Tsiyon Virushaláyim" 

"Que Deus te conforte entre os outros enlutados 
de Sion e Jerusalém." 


Como cantam os cristãos ante à morte:

"Por que Ele vive, posso crer no amanhã
Porque Ele vive, medo não há, 
Pois eu bem sei, eu sei, que a minha vida...
Está nas mãos do meu Senhor que Vivo Está!"


Paulo de Tarso, apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem




quarta-feira, 28 de maio de 2014

ERETZ YISRAEL - Um lar e um refúgio


Nesta semana ocorreu algo comigo que só tinha visto em filmes! Estava num shopping, com minha esposa, que estava no caixa de uma loja de departamentos pagando algo, quando ouvi do meu lado: "Isso é coisa de judeu!" O quê? Pensei eu. Um senhor de mais de 60 anos ao lado de sua esposa, continuou falando com uma mocinha no caixa ao lado: "Esta loja de quem é? Isso deve ser coisa de judeu, porque judeu é que age assim!" A menina sem saber talvez do que ele falava, disse: "Olha esta rede é do Rio Grande do Sul" e ele pela terceira vez disse: "Ah logo vi, lá tem muito judeu também...", nesta hora ele já tinha toda a minha atenção, pois eu dera as costas pra minha esposa e deliberadamente estava com os olhos fixos nele, olhando cada músculo de sua boca vociferar, querendo saber aonde aquilo ia parar... Ele percebendo minha atenção exagerada, me olhou e antes dele balbuciar qualquer coisa disse: "Você está falando mal dos judeus?" - Aquele homem mudou de semblante, e como que não acreditando nas minhas palavras, emudeceu, e eu repeti subindo meu tom de voz (coisa que me é peculiar), "Você está falando mal dos judeus?" A mulher daquele cidadão, voltou-se, uma velhinha de olhar meigo, quis dar desculpas pelo inoportuno marido, e disse: "não! Ele não quis dizer isso...", e eu não a deixei terminar a frase, já acompanhado por minha esposa que terminara sua compra, bradei pela última vez: "eu ouvi muito bem o que disse, e isso é um crime!" Dei as costas com todo o meu desprezo e para o espanto de lojistas, caixas, outros compradores, que viram a discussão... Minha esposa quando saíamos do shopping depois de alguns minutos de silêncio ante meu estado de nervos... me disse: "que coisa, os nazistas também envelhecem..."

Anos atrás uma senhora que marcou demais minha vida, pois me ensinou muito sobre o judaísmo, sendo de uma família de sacerdotes, a dona Laurice Savóia, me contou aos prantos, que numa tarde em Paris, nos anos 70, estava num cemitério judaico, e subitamente alguém do seu lado disse em alemão: "a gente mata mata esse povo e eles continuam vivos"... Aquelas palavras cheias de maldade, chocaram tanto aquela mulher que ela saiu correndo e chorando apavorada daquele lugar, pois sentiu medo de ser perseguida, e maltratada mais do que com aquelas palavras de ódio.

Este fenômeno está crescendo no mundo todo! A filha de Le Pen, um ultradireitista acaba de ganhar as eleições na França, seguindo a linha de seu pai um anti-semita, ela inaugura um tempo na cidade que foi conhecida pela resistência contra a tirania nazista, mas, que há muito tempo tem se transformado num reduto de mulçumanos e de pessoas descontentes que sempre vêem nos judeus os responsáveis por suas desgraças.

Em muitos parlamentos europeus, partidos de extrema-direita nacionalistas e neo-nazistas elegeram seus representantes. Curiosamente no Brasil, na Venezuela, na Bolívia a situação é o extremo oposto. Os governos são de esquerda, porém, havia uma amizade diabólica entre o governo do PT, com o Hugo Chavez (Que seu nome seja riscado e apagado para sempre), que amaldiçoou Israel e o povo judeu, pouco tempo antes de manifestar o câncer que o vitimou, mas, que deixou o seu sucessor Maduro, apoiado pelo governo brasileiro agindo como um ditador cruel em seu país vizinho... Lá sinagogas foram pixadas, e a hostilidade contra os judeus, tornou-se conhecida de todos.

No Brasil temos ministros de origem judaica, deputados, muitos artistas famosos, há uma grande liberdade para a iniciativa privada e muitos muitos empresários judeus, são muito bem sucedidos em nossa nação. Eram mais seguros ainda na Argentina, décadas atrás, até o atentado que vitimou tantas pessoas, e que provocou um êxodo argentino para Israel. Atentado que foi patrocinado pelo Iran, dos amigos de Lula, Dilma, Marta Suplicy, Hugo Chavez, Maduro, Fidel Castro e outros...

Quando o World Trade Center caiu em New York, em 2001, iniciou-se um êxodo de judeus americanos para Israel, foi assim quando os muros de Berlim caíram, e a antiga União Soviética, não pode mais segurar os que quiseram buscar abrigo na Terra de seus antepassados, e milhares de milhares de judeus russos e de outras nacionalidades da extinta URSS foram para ERETZ YISRAEL.

Hoje quando ouvimos que na Ucrânia há uma clara perseguição aos judeus e grupos neo-nazistas os intimidam, pensamos: Porque estes também não foram? Porque ainda há tantos judeus na Argentina? E nos USA, ainda tantos? Os que moram no Canadá e prosperam, ainda ouvem as brincadeiras: "O Eterno falou pra Moshê levar os hebreus pra Canaã e não pra o Canadá!"... 

Sabemos que judeus que moram espalhados pelo mundo, prosperam sim, mas, o coração de algum modo está ligado a Eretz Yisrael, e eles apoiam causas de suas famílias que estão lá, e são um aporte financeiro importante ao país e aos interesses judaicos nas nações, não permitindo que concentrados todos na Terra, fiquem isolados... Certamente isso tem muito valor, e até agora, esta maneira de viver, tem se mostrado eficaz para os interesses de todos, porém, os dias estão ficando mais sombrios, e um tempo de trevas tem chegado a todo mundo...

Minha discussão foi com um velhinho de mais de 60 anos, mas, poderia ter sido com uns dez skin-heads, ou com um grupo de mulçumanos que parecem estar brotando do chão em tantas cidades brasileiras, como em São Bernardo do Campo e região... e eu poderia ter acabado muito mal, cheio de hematomas pelo corpo, por ter defendido aqueles que Deus ama.

Lembro anos atrás quando minha filha Bruna Emunah Gurevich, estava terminando sua faculdade, e eu passei a falar com ela sobre a necessidade de conhecer a Israel, e de morar lá... Ela no início foi reticente, mas, me ouviu, e O Eterno abriu todas as portas pra ela, e desde então, nunca mais voltou. Hoje, casada com um homem maravilhoso, mamãe de um menino lindíssimo e saudável, vive as lutas da vida em Israel que são difíceis, por muitos aspectos, mas, cada vez que cruza a Mezuzá de sua casa, ela pensa: Este é o meu lar!

O Único lugar do Mundo seguro para os judeus, em algum tempo à frente será ERETZ YISRAEL, a Terra que O Eterno prometeu a Avraham e seus descendentes. Quem me lê talvez pense: "Ele tá querendo que eles vão embora daqui!" Não! e Sim. 

Como Rut um dia disse a Naomi: "Aonde fores irei eu, se você morrer e for sepultada, ali morrerei eu e serei também sepultado; O Teu povo é o meu povo e o teu Deus, o meu Deus". Talvez por não ser judeu, não possa ir é claro, mas, cada um nasce com um propósito e se o meu foi incentivar minha filha a estar lá e constituir uma família Israeli: DAYENU! Para mim já teria sido o bastante!

Meu coração dói só de pensar, no medo e na dor das famílias destas pessoas que acabaram de ser brutalmente assassinadas em Bruxelas, pelo crime de serem... judeus. Por serem amados por Deus, o mundo os odeia! Parece a luta covarde ainda de Caim com Abel. No lugar de Caim buscar agradar a Deus, pois também será aceito, ele se revolta contra seu irmão e o deseja matar... 

Nunca vou me esquecer de uma viagem que fiz com minha esposa para Israel, em 2004, viajamos pela EL AL, empresa aérea Israelita, saímos de Paris, estávamos sozinhos, e observando tudo... Um momento inesquecível foi a hora da refeição... Um potinho de Homus outro de Qualhada, e pão muito pão... pequenas Chalás, doces e macias, que foram servidas umas três vezes... Todos pareceram na hora da refeição terem se transformado numa mesma família num pic-nic... Quando descemos, nós que estávamos no fundo do avião, vimos um rapaz, que estava na nossa frente. Era um jovem, do lado do que parecia ser sua namorada, ou esposa. Ele usava jeans e camisetas, mas, tinha uma kipá sobre a cabeça e usava tsit-tsit, que sobressaia aos olhos, saindo debaixo de sua camiseta sobre  seu jeans surrado... Quando ele desceu no aeroporto Ben Gurion, sobre o olhar dos seguranças e dos soldados, ele desceu até o chão e o beijou... ERETZ YISRAEL, Terra dos meus antepassados, Terra da Promessa... Meu lar! Cheguei para ficar...

Quem sabe um dia, eles precisam de alguém para contar histórias e uma porta se abre para que eu possa beijar aquele chão também e dizer com a minha Karla: Meu lar...

O foco porém, não sou eu, pois, tenho uma pátria celestial! O Foco é que não há lugar no mundo que os judeus possam ter um CEP, que lhes garanta tamanha segurança, pois os Olhos do Eterno estão sobre esta Terra do começo ao final do ano...

"mas a terra a que estais passando para a possuirdes é terra de montes e de vales; da chuva do céu bebe as águas; terra de que o Senhor teu Deus toma cuidado; os olhos do Senhor teu Deus estão sobre ela continuamente, desde o princípio até o fim do ano." (Deu 11:11-12)

Vamos orar, para que os judeus possam sentir o desejo de voltar para sua Terra. 

Já ouvi falar que os extremistas árabes mulçumanos dizem: "É melhor mesmo que eles voltem todos, e estejam em Israel, porque fica mais fácil de acabarmos com eles de uma só vez"... Esta frase é do próprio Satanás, que sabe, que o Lugar de Segurança para O Povo judeu, é debaixo das Asas do Deus Vivo.

Temos muito o que orar pelo Brasil, temos muito o que orar pela Igreja, temos muito o que orar por Israel e pelo povo judeu. O destino da Igreja está ligado ao destino de Israel. Eles estão sendo pressionados, a voltar para a Terra da Promessa, e nós para deixarmos a Babilônia e suas prostituições, para voltarmos para Deus e sua Palavra... Ele é a Nossa Terra Prometida.


AM YISRAEL CHAI VEOD AVINU CHAI 
(O povo de Israel vive e também O Nosso Pai vive)
KEHILAT YESHUA CHAI VEOD YESHUA CHAI 
(A igreja de Yeshua vive, também Yeshua vive)


Paulo de Tarso, apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem

segunda-feira, 31 de março de 2014

Feliz Ano Novo! 1º de Abril...




Neste 1º de Abril de 2014 haverá uma coincidência entre os calendários Bíblico e civil, com o mês de Abril, chegando junto com o mês de Aviv, que Deus chama de "O Primeiro dos meses do ano".

A distância tão grande entre a Palavra de Deus, e nossos costumes e cultura, mesclaram costumes de povos pagãos, com princípios de Deus, e este "Joio no meio do Trigo", tão difícil de ser separado tem crescido e contaminado o entendimento do povo de Deus por gerações.

Desde o retorno do cativeiro babilônico, os judeus, trouxeram costumes, a língua, e a cultura dos caldeus, esquecendo-se das Leis e dos Tempos estabelecidos pelo Eterno, mesmo sob a advertência do Profeta Daniel de que isso se daria.

Hoje, nós cristãos, que tão influenciados por Roma e suas práticas abomináveis, quanto os judeus foram influenciados em seu exílio, defendemos tradições, datas, festas, costumes, que sim são mantidas há séculos, mas, NÃO! JAMAIS vieram da parte de Deus, e contrariam a Bíblia, a Sua Palavra, que a todos nós foi dada.

1º de Abril, tradicionalmente chamado de "O Dia da Mentira", neste ano trás uma grande verdade: Foi numa época do Ano como esta que em Israel, Jesus observando o fenômeno, AVIV, quando a Cevada se mostra amarelada e quebradiça, declarou: "Os campos estão brancos para a colheita!".

Nesta 3º feira, estaremos há 14 dias do início do Fenômeno astronômico chamado de TETRAD, 4 Luas de Sangue, que serão vistas no hemisfério Norte, em 4 Festas judaicas, seguidas, nos anos de 2014 e 2015. Na noite de 14 de Abril, Noite de PÊSSACH, será visto um Eclipse total da Lua, que se repetirá na Festa de Sucot (Tabernáculos), deste ano ainda, e também na Festa da Páscoa e Tabernáculos de 2015.

Das últimas vezes que este fenômeno ocorreu, coisas terríveis e livramentos incríveis ocorreram para o povo judeu, como a Retomada de Jerusalém em 1967; a Independência de Israel em 1948; A expulsão dos judeus da Espanha em 1492... Depois deste evento agora deste e do próximo ano, este fenômeno ocorrerá apenas no 3º Milênio... 

É tempo de colher; é tempo de se separar o Joio do Trigo; é tempo de purificarmos nossas vidas; é tempo de voltarmos para Deus; é tempo de levantarmos nossos olhos para os Céus, porque a nossa redenção a qualquer momento pode chegar até nós.

Como nos apresentaremos diante do Eterno naquele dia? Certamente não será com títulos eclesiásticos; com títulos acadêmicos; com currículos invejáveis; com nossos argumentos de que fomos pessoas boas ou que pagamos nossos impostos, nunca prejudicamos o próximo e vivemos uma vida pacata... 

Nada disso, será justificativa diante do Juiz que vem Julgar esta Terra. Ou estaremos marcados com O Sangue do Cordeiro e teremos nossas vestes purificadas no seu sofrimento, e teremos apenas o Nome Dele para enfrentar O Justo Juiz, ou então estaremos condenados!

O Mundo que vivemos não tem mais solução. A equação não fecha mais... O plástico; a mudança climática; a hiperpopulação; a falta de alimentos; a falta de água... A solução humana certamente já foi votada entre os poderosos dos nossos dias, e a organização para a "Solução final", está em curso: É necessário que as guerras cuidadosamente planejadas possam diminuir a população, juntamente com as doenças que cada dia mais se propagam assustadoramente; os terremotos que os conspiracionistas dizem que são produzidos em laboratório, há qualquer momento podem provocar um novo Haiti ou então, O Deus vivo há de cumprir Sua Palavra e todas as ilhas serão à Uma movidas de seus lugares...

Não quero causar aqui, a idéia de um dos filmes hollywodianos, mas, advertir que A Bíblia é Verdade e vai cumprir-se. Tudo o que temos por firme, certo, exato, durável, estável... As economias, as potências, os planos privados de aposentadoria, as bolsas de valores, tudo é tão frágil, como um beija-flor... Tudo pode fugir ao menor ruído de diante dos nossos olhos...

Não há no que se apegar, porque toda a nossa vida está firmada, numa cadeia que pode ser quebrada a qualquer momento...
O conforto da nossa vida moderna nos fez flácidos e absolutamente despreparados para vivermos sem super-mercado; luz elétrica; água encanada, ou até gás... Tudo tão frágil... 

Sempre ouvi falar de pessoas que lidam com a economia, que em momentos instáveis é sempre necessário ser conservador e ir para os investimentos mais seguros e de menor risco... Pois quero usar este tipo de conselho experiente para advertir que não há coisa na vida humana, e em nosso mundo que não esteja para quebrar diante dos nossos olhos a qualquer momento...

Como um sacerdote e como uma voz profética em nossos dias, humildemente quero dizer a todos que possam se interessar por meus pensamentos e palavras: Falem com Deus, peçam a Ele para entrar em seus corações. Peçam perdão por uma vida toda sem se importarem com Sua Vontade, ou com Seu Amor... Ainda há tempo! Hoje é O Dia da Salvação... A Bíblia diz que se você com a sua boca confessar Jesus como o teu Senhor e no teu coração você crer que Deus o Ressuscitou dos Mortos, você será salvo... Vamos... Orar não é falar bonito. Orar é falar com Deus. Fale! 

Talvez nós jamais nos conheçamos nesta vida, ou talvez nunca mais vamos nos ver de novo... Mas, um dia Diante do Trono de Deus, quero poder ter você ao meu lado... Sim eu vou estar lá. Não por qualquer coisa que eu tenha feito; ou por qualquer atributo pessoal, ou porque tenha sido alguém bom, ou justo, pelo contrário... Tendo ouvido falar de Deus, desde a minha infância, eu traí a Deus, me envolvendo com quase absolutamente tudo que alguém digno não deveria envolver-se... Porque eu te falo de Amor e de oportunidade, porque, sou o que mais aproveitou de todos (eu creio) este AMOR... e a oportunidade que me foi dada... O Amor de Deus e o precioso Sangue de Jesus que foi derramado em seu sacrifício por nós, tem poder para limpar de nossas vidas toda a Iniquidade, e nos reaproximar do Pai.

O Tempo da Colheita já começou há quase dois mil anos... Não endureça o teu coração diante do Amor e da Mão de Deus, estendida hoje para você! 

Hoje é O Dia de você ser alcançado para Ele, por Ele e para a Glória do Nome Dele!

Feliz Ano Novo! Não, isso não é uma piada de 1º de Abril, é a Maior Verdade do Universo... Você pode hoje estar iniciando o primeiro dia da Vida Eterna que Deus sonhou para nós, e que nos foi conquistada através de Jesus Cristo.


Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem



sexta-feira, 21 de março de 2014

AVIV & a Novilha Vermelha




Enfim chegou a Primavera em Israel. Aqui no Brasil o Outono, época pra mim muito especial, porque minha amada Karla e eu aniversariamos neste período, mas, há quanto tempo nosso olhar não está aqui, mas, lá... Jerusalém - A Cidade do Grande Rei; Nossa bússula deixou de apontar o Norte para apontar O Oriente: "pois assim como O Relâmpago que sai do Oriente e se mostra no Ocidente, assim há de ser a Vinda do Filho do homem."; As festas não são mais as profanas, ou as religiosas, são as de Deus, do Cordeiro, as Festas da Bíblia...ahhh... Eu vejo tanta gente com raiva quando falo isso... E me chamam de religioso e dizem que sou parte destes que querem judaizar a igreja.....rssss


Em Israel entramos na primavera.... Nesta época do ano um fenômeno anuncia que O NOVO ANO (Segundo Deus), está chegando... A Celebração do PÊSSACH, está para acontecer... O que se espera? A Noite da Lua Nova - Rosh Chodesh, do período em que a Cevada estará amarelada e quebradiça, este é o fenômeno chamado de AVIV - Primavera - e que anuncia que o Mês em que Deus tirou o seu povo do Egito e da Casa da servidão chegou! O Principal mês do Ano! O Primeiro mês, pois tudo o que ocorreu no Egito aponta para a obra que O MASHIACH (Cristo), fez por nós na Cruz do Calvário culminando com sua Ressurreição.

Pois neste ano de 2014, a Lua Nova será dia 01 de Abril, e portanto Estamos há dois Shabat´s do início do Ano Novo (SEGUNDO DEUS); época em que todos estão absolutamente atentos aos sinais dos Céus, com as esperadas Luas de Sangue, que darão início ao TETRAD.

Neste dia de 22 de Março, Shabat que se inicia nesta sexta-feira ao escurecer, temos o chamado SHABAT PARAH (Shabat da Novilha), porque na Antiguidade, na época do Templo, era neste penúltimo Shabat antes do início de AVIV, que os sacerdotes começavam a purificar-se para poderem sacrificar O Korban de Pêssach (O Cordeiro Pascál).

O Sacrifício e o Rito de Purificação da PARAH ADUMAH (A Novilha Vermelha), é do tipo de Lei chamada de CHUKIM (de onde vem a Palavra BERRUCOTAI) - Estatutos que são estabelecidos por Deus, e que aparentemente não há uma explicação lógica para o seu cumprimento.... Apenas Obediência Absoluta, que acarreta as bênçãos decorrentes desta Obediência do Texto de Lev. 26:3, intituladas de BERRUCOTAI (Se obedecerdes estes estatutos... em outras palavras: A RECOMPENSA PELA OBEDIÊNCIA).

Este Sacrifício ordenado por Deus por este Estatuto está no Livro de Números no Capítulo 19, e se trata da Purificação necessária dos sacerdotes, das pessoas, dos utensílios tornando-os santos ao Nosso Deus.

Uma das coisas importantes a considerarmos é a Diferença entre limpo e puro. Uma pessoa pode estar asseada porém impura. Os ritos de purificação das mãos (as oblações); do corpo (os batismos), e as asperções das cinzas da Novilha Vermelha manifestavam PUREZA, que se espera é claro, corresponda a Limpeza de alguém. Porém a Pureza fala de coisas espirituais, enquanto a limpeza das coisas naturais.

A Novilha Vermelha um dos animais apresentados pelo Pai Abraão a Deus, nos sacrifício em que Deus fez Aliança com ele, é uma figura de Jesus, que foi morto por nós, que derramou seu Sangue puro e purificador por nossas vidas! 

18 Vinde então, e argüi-me, diz o Senhor: ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã. (Isaías 1: 18)

Esta colcha de retalhos que tornou-se este artigo, trata de que estamos cada dia diante do Nosso Deus para a vida e para a morte; para iniciarmos algo ou para darmos conta do que nos foi confiado; para casarmos nossos filhos, ou para nos encontrarmos com O Criador; para o início do nosso ministério ou para a Volta Gloriosa do Nosso Amado Noivo. Precisamos estar prontos! Precisamos estar puros!

Há tanta beleza hoje na igreja, no movimento evangélico, na bancada parlamentar evangélica, nos programas de televisão, nos nossos astros e estrelas do mundo gospel. Há uma clara distinção entre o Clero, dos púlpitos, da mídia, dos líderes nacionais, dos holofotes para com o Povo de Deus, da massa de manobra, do curral (não do aprisco), dos que pedem oração, dos que esperam por uma palavra profética, dos que dão dinheiro esperando que a campanha possa livrá-lo de dívidas, que talvez a filha que canta possa ser tão famosa e ganhar dinheiro como a estrela gospel que está agora nas novelas...

A ordem do nosso Deus, é que todos deveriam purificar-se! Quem aparecesse imundo seria extirpado do meio de Israel!

É Primavera em Israel! Já se ouve a voz das rolinhas e dos pombinhos; já se ouve a voz da noiva e a voz do noivo... O Tempo de cantar chegou... Para esta Festa, só entra quem tiver veste festiva!

Os convidados, todos disseram que tinham coisa mais importante para fazer; dos coxos e aleijados que foram encontrados nos caminhos e nas encruzilhadas e convidados para a Festa, quem não estava com AS VESTES para a Festa foi amarrado pelos pés e pelas mãos e lançado fora, aonde há choro e ranger de dentes... AS VESTES APROPRIADAS SÃO VESTES DE SANTIDADE! PURIFICAÇÃO! PUREZA É A MODA DESTA PRIMAVERA / VERÃO na CIDADE DO GRANDE REI!

Desperta Igreja, Desperta Noiva...
Enche o teu vaso de Azeite... 
Acende a tua lâmpada!

O Noivo está às portas!



Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem




Eu não me envergonho do Evangelho de Cristo




Movido, por esta nova onda na internet em que pessoas estão lendo versículos bíblicos e declarando que não se envergonham do Evangelho de Cristo, e então desafiam amigos para fazer o mesmo, confesso que fui desafiado por algumas pessoas queridas, mas, nestes dias meu coração tem estado exultante por respostas de Deus, em muitas áreas da minha vida familiar, em nossa igreja, no relacionamento com filhos ministeriais, homens e mulheres de Deus, que tem feito proezas tanto no lugar onde Deus nos plantou como igreja na Cidade de São Paulo, no bairro do Ipiranga, quanto muitos filhos ministeriais, que são apóstolos, profetas, pastores em cidades e estão tocando muitos lugares do Brasil e também algumas nações.
Também tenho visto de perto a Bondade do Nosso Deus, em tantos lugares por onde tenho caminhado, pregando O Evangelho de Cristo, acreditando muito mais na Palavra de Deus, e no Poder de Deus que opera em pessoas simples, do que em religiões, em visões ministeriais, em mega-ministérios e em astros e estrelas.

Nesta semana recebi mensagem do Apóstolo Shislaider (nome pouco comum, de um homem que tem honrado o Nome de Jesus em sua região, no sertão da Paraíba). Ele com seu sotaque até para escrever compartilhou com muita verdade a alegria do povo do sertão que tem visto O Nosso Deus responder a medida que tem subido aos céus sua fé, sua gratidão, e sua esperança de que se a Seca é um sinal bíblico da distância de um povo para com O Criador, o coração contrito e quebrantado de um povo pode mudar a história de toda uma região. Milagres acontecem! VEJAM!!!

Abaixo, o post que coloquei em minha página pessoal do Facebook, contando o que Deus tem realizado no Estado da Paraíba. No dia seguinte a estas imagens, mais uma chuva de 90 milímetros... Os jornais tem publicado, que esta chuva já é cerca de 20 a mais do que a média pluviométrica para a Região... Se Deus apenas tivesse me dado a oportunidade de falar do seu amor para este povo... Já seria o bastante! (DAYENU!), mas, na sua infinita misericórdia O Eterno, selou este tempo com chuva! 

"eu não me envergonho do Evangelho de Cristo!" Amados, com muito temor compartilho estas fotos, pois alguém pode pensar que de alguma forma isso seria uma promoção pessoal. Mas, há um mês estive pregando em Patos - Paraiba, e na Última noite, eu ouvi O Senhor me dizer o que deveria pregar: "Ensine o meu povo a ser grato, pois quanto mais eles forem gratos, mais eu os abençoarei".

Imediatamente sai para o aeroporto que ficava distante, 4 horas e meia da cidade, e no meio do caminho a chuva nos alcançou. Eu deixei João Pessoa, debaixo de chuva, e depois de três anos sem chuvas, tudo está verde. LOUVADO SEJA O DEUS CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA, QUE ABENÇOA O SEU POVO COM CHUVAS QUE PROVEM DOS CÉUS!

Ontem choveu em duas horas cerca de 130 milímetros. Os açudes estão cheios, vários, vários rios que estavam secos.... Gente estão transbordando! Canais construídos para impedir enchentes em bairros não suportaram a força das águas...

Já tive muitas, muitas experiências com este Deus Maravilhoso, que tem mostrado fidelidade e amor em minha vida através deste sinal tremendo, em tantos lugares, mas, nunca experimentei nada como desta vez. A terra dos meus antepassados, de onde 70% da população é de origem judaica... 

O Deus vivo tem manifestado seu amor e poder com chuvas...

"Dele, por Ele e para Ele sejam todas as coisas. A Ele, pois, A Glória, Eternamente! Amém.

Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem







quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

A PALAVRA & O ESPÍRITO

O mês mais quente da nossa história, janeiro de 2014, foi um período bastante especial pra mim, pois há 14 anos, recebia de Deus a visão através da qual nasceu a Igreja Betlehem, e também o inesquecível dia em que fui levado à uma casa, que descobri depois estar justamente no bairro do Ipiranga, cenário de muitas promessas de Deus pra mim. 
Nestes dias não pude parar de pensar na Porção dobrada, que para mim tem sido ressaltada pelo número deste ano de 2014 - Uma soma de números "7", um número que fala de Deus.
Escolhi então, lançar esta viagem a Israel, depois do grande sucesso que foi a Viagem GERAÇÕES, um marco verdadeiramente ANTOLÓGICO para todos os que estiveram conosco, e é claro, especialmente para mim, pois tive a honra de levar vários filhos ministeriais, homens e mulheres de Deus, que tem sido usados pelo Eterno em diversas cidades de nossa nação, como Apóstolos, Pastores, Profetas...
O Tema que escolhi para a viagem de 2014, é um tema recorrente em minha vida e em tudo o que ensino, pois não se pode desvincular a Palavra de Deus  e O Espírito Santo que vivifica a Palavra. 
Nestes anos que tenho conduzido muitos grupos por Israel, as Pedras tem clamado a nós, e testemunhado em cada sítio arqueológico, mesmo em lugares tomados pela autoridade palestina, ou impregnados pela maldade da Religião, seja lá quais forem, não conseguem calar O Espírito de Deus, que está dentro de cada um de nós, e que através da Revelação da Bíblia aberta: A ESPADA DESEMBAINHADA do Príncipe dos Exércitos do Eterno que apareceu a Josué; ou As VARAS DESCASCADAS de Jacó que faziam as ovelhas conceberem... enfim, Estar com o coração reto diante de Deus, e se esforçar em conhecê-lo ganha uma dimensão totalmente sobrenatural, pois não não histórias apenas, são a REVELAÇÃO FRESCA DE DEUS, para os nossos dias; para nossa nação; para as nações, com as quais cruzamos em cada esquina de Jerusalém e para o povo judeu.

Neste ano, de tantas expectativas, boas e temerosas, as notícias do oriente médio; os extremos climáticos, desde Nevascas nunca antes vistas, até este calor aqui... Serão prenúncios do fenômeno TETRAD, que justamente ocorreu pela última vez, no ano em que fui concebido e no ano em que nasci (1967 e 1968)? Não sabemos... É certo no entanto que se há um lugar no mundo, onde tropeçamos em Revelações Bíblicas, e onde O Espírito de Deus nos tem conduzido para que possamos ter respostas para nosso maior anseio que é ver Cristo reinando sobre todas as nações da Terra, este lugar é ERETZ ISRAEL e YERUSHALAIM, A cidade do Grande Rei.

Te convido pra orar por esta viagem, e buscar de Deus uma resposta clara para que possa estar conosco. Certamente terei muitos filhos ministeriais que já haviam declarado que 2014 era o ano que esperavam para esta grande aventura. Não faremos um grupo grande para que o cuidado e a atenção seja realmente especial para cada participante, e possamos gerar um nível de comunhão, unidade e amizade que realmente nos permita mergulhar no Nosso Deus e em sua Palavra.

Para mim será uma especial honra tê-lo conosco andando pelas ruas de Jerusalém, cruzando o Mar da Galiléia; explorando a Cidade de David e adorando O Nosso Deus em cada um destes lugares.

Que Deus te abençoe!

Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem