Viagem a Israel

sábado, 8 de janeiro de 2011

A Loucura da Pregação



Admiro demais os atores e atrizes, que tendo recebido a incumbência de interpretarem um personagem, com o grande propósito de transmitirem os pensamentos e sentimentos de um autor, ainda que interpretem personagens que viveram em carne e osso, o fazem com esmero, pela ótica do escritor, que cuida de narrar assim como um pintor lança suas cores e traços numa tela deixando as suas impressões pessoasis sobre o tema ou sobre a vida retratada. É uma obra de muitas mãos, ou de muitos talentos reunidos, para expressarem a realidade histórica e cultural de uma época. São como repórteres que roubam valores de um tempo e depois lhe transmitem vida, com sons, danças, declamações, diálogos...

TEATRO (Lugar de onde se vê) - Palavra de origem grega, que remete ao III Século antes de Cristo, no Egito, quando os feitos dos faraós (figuras de homens-deuses), eram reverenciadas, assim como as entidades cultuadas pelos gregos, como Dionísio, Baco, Hércules... Infelizmente, emprestamos no nosso vocabulário, esta expressão, para nos referir a esta ARTE, que nasceu, como todas as outras, através d´Aquele, que pintou o Seu Arco no Céu, que multiplicou os tons de verde na natureza, que fez com tanta perfeição minha linda esposa Karla e minha filhinha Tikva... (rss... Coisas de um marido e pai apaixonado).

Hoje usamos tantas expressões, originadas longe de Deus. Como atores que dizem incorporar certos personagens, pelo nível de perfeição com que emprestam seus corpos, vozes e sentimentos, para expressarem o que o texto revela da obra de seus autores. Creio que até isso pode ser grande verdade. Pessoas emprestarem seus corpos, afim de manifestarem não apenas arte, mas a expressão de entidades espirituais, que vão não apenas reproduzir a mente de um autor, mas, os mentores daquele interlocutor.

Não vou criar aqui um termo para concorrer com Teatro, gostaria de fazê-lo, na função de rei e sacerdote, pois se há algo que gosto de fazer é "NOMEAR". Desde Adão, esta autoridade nos foi dada, e apenas passo esta oportunidade a outro talvez que mais envolvido com a interpretação possa fazê-lo. No entanto, vejo na Palavra de Deus, quantas vezes, a manifestação deste dom, desta arte tão linda, quantas vezes me vejo, quando prego a palavra de Deus, diante de pessoas que não olham a mim, não ouvem as minhas palavras, mas, se reunem para ouvir, ver, serem instruídos, nos feitos poderosos do meu Deus.

Cada vez que falo com uma criança, e tento comunicar-lhe coisas sobre o Papai do Céu, e então, procuro expressões, sons, gestos, que lhe façam rir e ao mesmo tempo lhe gravem a Verdade Eterna... Cada vez, que abaixo o tom de voz, para falar com um ancião, ou procuro as expressões mais simples, para falar com alguém simples... ou procuro exemplos em minha vida, ou no nosso dia-a-dia, para falar de Jesus e do meu Criador e Autor da Vida, para um atleta, ou para um médico, ou advogado, ou pintor, busco, seguir o script, seguir o texto, manifestar A MENTE E O CORAÇÃO DO AUTOR, ou ainda quando compartilho YESHUA, (alvo primogênito de meu chamado no MASHIACH) para com os judeus, peço ajuda para Aquele que já habita em mim, para que possa manifestar-se através de mim, a ponto de que quem me ouça e veja, possa, não ver a mim, mas, ver Aquele que me enviou, não se deter com o que prega, mas, com a Palavra da Pregação.

Meu xará, o Apóstolo Paulo de Tarso, era um grande intérprete, ele que como eu e talvez você, conheceu e conhece O Autor, se esmerava para que em cada apresentação, pudesse manifestar Aquele que nos chamou das trevas para a Sua Maravilhosa Luz. Ele disse isto numa de suas epístolas:
"Pois, sendo livre de todos, fiz-me escravo de todos para ganhar o maior número possível: Fiz-me como judeu para os judeus, para ganhar os judeus; para os que estão debaixo da lei, como se estivesse eu debaixo da lei (embora debaixo da lei não esteja), para ganhar os que estão debaixo da lei; para os que estão sem lei, como se estivesse sem lei (não estando sem lei para com Deus, mas debaixo da lei de Cristo), para ganhar os que estão sem lei. Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns. Ora, tudo faço por causa do evangelho, para dele tornar-me co-participante. (I Cor. 9: 19 a 23).

Não isso não é Teatro, isso é PREGAÇÃO - O nosso inimigo, Satanás, tem roubado há muito o que O Nosso Deus Criou, pois Ele é O CRIADOR DO UNIVERSO, e vez após vez atribuímos a ele, o que pertence ao Nosso Deus e a nós (Seu povo), mas, estou cansado disto, assim como você, já passou da hora de tomarmos tudo de volta! Aleluia!!!
Se o termo COMÉDIA, invoca alguma manifestação para as trevas, como a expressão TEATRO, eu não sei, mas, o que sei é que o BOM HUMOR, foi criado pelo nosso Deus; Eu sei, que é uma "Comédia", na melhor tentativa possível da utilização desta palavra, o que ocorreu quando David, fugia de Saul, e ele consultou ao Nosso Deus dizendo: "Deus, Saul descerá contra mim?" E Deus responde: "DESCERÁ!" (rss...);" E os habitantes da cidade de Queila (onde David estava), vão me entregar e aos meus homens nas mãos de Saul?" Deus responde: "ENTREGARÃO!" (rss...). Sem falar no dia em que David, se vê na capital dos filisteus (na cidade do Golias), e percebendo que o povo ali lhe era meio hostil (rss...), Não pensou duas vezes: Deu uma de louco! Começou a babar, e a rolar e o rei dos filisteus, bradou: Este homem está doido, maluco, louquinho da silva, já não há loucos bastante aqui em meu reino, pra vocês importarem mais malucos?... Ponham ele pra fora daqui... E David se viu livre como um pássaro, que escapa de um caçador... Depois de ter saído livre compôs este Salmo:
"Bendirei ao Senhor em todo o tempo; o seu louvor estará continuamente na minha boca. No Senhor se gloria a minha alma; ouçam-no os mansos e se alegrem. Engrandeci ao Senhor comigo, e juntos exaltemos o seu nome. Busquei ao Senhor, e ele me respondeu, e de todos os meus temores me livrou. Olhai para ele, e sede iluminados; e os vossos rostos jamais serão confundidos. Clamou este pobre, e o Senhor o ouviu, e o livrou de todas as suas angústias. O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra. Provai, e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia. Temei ao Senhor, vós, seus santos, porque nada falta aos que o temem. Os leõezinhos necessitam e sofrem fome, mas àqueles que buscam ao Senhor, bem algum lhes faltará. Vinde, filhos, ouvi-me; eu vos ensinarei o temor do Senhor. Quem é o homem que deseja a vida, e quer longos dias para ver o bem? Guarda a tua língua do mal, e os teus lábios de falarem dolosamente. Aparta-te do mal, e faze o bem: busca a paz, e segue-a. Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos ao seu clamor. A face do Senhor está contra os que fazem o mal, para desarraigar da terra a memória deles. Os justos clama, e o Senhor os ouve, e os livra de todas as suas angústias. Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado, e salva os contritos de espírito. Muitas são as aflições do justo, mas de todas elas o Senhor o livra. Ele lhe preserva todos os ossos; nem sequer um deles se quebra. A malícia matará o ímpio, e os que odeiam o justo serão condenados. O Senhor resgata a alma dos seus servos, e nenhum dos que nele se refugiam será condenado." (Sal 34:1-22)
David, um ator, um cômico, um poeta.. um adorador!
"Visto como na sabedoria de Deus o mundo pela sua sabedoria não conheceu a Deus, aprouve a Deus salvar pela loucura da pregação os que crêem." (1Co 1:21)

Manifestar Deus para as pessoas, falar e mostrar a Verdade que tornou-se a minha vida em Cristo. Não! Eu não sou um ator, sou um pregador.
Amor,
Paulo de Tarso.






Nenhum comentário:

Postar um comentário